Sep 22, 2019 Última Atualização em: 3:22 PM, Sep 19, 2019

A Associação dos Trabalhadores Aposentados e Pensionistas de Canoas (ATAPEC) participou das atividades de doações para a campanha do agasalho que resultou em, aproximadamente, 20kg de roupas, cobertores e calçados. A entrega foi realizada na última sexta-feira (2), na sede do Núcleo Assistencial Criança Feliz Moura (Nacrifem), no bairro Mathias Velho.

Diversos parceiros contribuíram com as doações, entre eles o jornal Diário de Canoas, a ATAPEC e o CIEE-RS. As ações fazem parte de gincanas promovidas por alunos da Escola Municipal de Ensino Fundamental Ícaro, no bairro Rio Branco.

De acordo com o presidente da entidade Carlos Olegário, a parceria entre a associação e o jornal Diário de Canoas é importante para o desenvolvimento de ações sociais: "Não conhecíamos a entidade, mas fizemos questão de colaborar, porque o Diário de Canoas avaliza e nós confiamos no jornal".

Segundo a presidente do Nacrifem Dion Moura, cerca de 700 famílias são beneficiadas por mês pela entidade. 

Ficou interessado em nosso conteúdo e quer compartilhar? Utilize o link: https://www.diariodecanoas.com.br/_conteudo/noticias/regiao/2019/07/2453227--dc-entrega-doacoes-para-nacrifem.html, ou as opções que colocamos em nossas páginas. Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.

*Carlos Olegário

Este governo representa as elites, o capital internacional especulativo e os banqueiros, haja vista que o seu ministro mais importante pertence a essa última categoria.

Na verdade, o governo não quer fazer uma reforma e sim acabar com a Previdência pública.

O sistema de capitalização proposto pelo governo federal foi implementado em 18 países e não deu certo em nenhum deles. Na maioria dessas nações, o déficit com esse sistema alcançou cerca de seis vezes o Produto Interno Bruto (PIB) do país.

O governo falta com a verdade quando diz que a reforma é necessária e que irá proteger os mais pobres. Do valor de R$ 1 trilhão que o governo pretende economizar em dez anos com a reforma, aproximadamente R$ 900 bilhões serão retirados do Regime Geral de Previdência Social (RGPS), ou seja, dos mais pobres. O governo está equivocado ao afirmar que a Previdência é deficitária, pois desmente a CPI que teve em sua formação senadores de todos os partidos e bancadas, que provou que a Previdência Social teve um superávit de mais de R$ 1 trilhão em 15 anos. Os estudos da comissão também apontaram a sobra anual de R$ 82 bilhões, apesar dos roubos, incentivos e sonegações que passam dos trilhões.

Quem se lembra dos fundos privados de Previdência bilionários, como dos Montepios, ferroviários, bancários e da Varig, Correios do qual seus aposentados e pensionistas não estão recebendo? Além disso, os beneficiários dos fundos da Caixa Econômica Federal e Petrobrás recebem com muita dificuldade. Portanto, com a aprovação da capitalização, quando chegar a vez de receber, não existirá dinheiro. Se por uma infelicidade este governo tiver sucesso no seu maldito projeto, este país se tornará em um país de miseráveis. No Chile, o número de suicídio de aposentados e idosos é aumentou de forma absurda após a aprovação do regime de capitalização. Hoje, este número é um dos maiores do mundo. Além disso, deve-se relembrar os prefeitos que 78% dos municípios brasileiros recebem do INSS valores superiores ao fundo de participação dos mesmos.

Fizeram a reforma trabalhista com o argumento que era para aumentar o emprego, pois além de tornar precário o trabalho, o desemprego aumentou para 14 milhões. Desta forma, gostando ou não, ocorrem novas eleições de dois em dois anos e a tudo o que afeta a nossa vida passa por eles, todos nós, independente da idade, temos a obrigação de votar com responsabilidade e de preferência votar nos aposentados dos movimentos. Por exemplo, as duas maiores bancadas do Congresso são a dos evangélicos com 230 parlamentares e do agronegócio, todos muito bem e os aposentados que representam o maior seguimento social brasileiro não possui nenhuma.

O ministro que luta com todos os meios para acabar com a previdência publica é o mesmo que fez no Chile e hoje é o dono da maior empresa de capitalização do Chile. Para mim isso é crime.

Tenho desafiado os defensores do fim da Previdência publica para mostrer onde está o privilegio do Regime Geral. Ninguém ganha mais que R$ 5.840,00 e no funcionalismo público, apesar de contribuírem sobre toda a remuneração, quem ingressa a partir de 2013 a remuneração, incluindo juízes, se aposentam com o teto do Regime Geral.

Devemos evitar o fim da previdência publica ao pressionar os parlamentares que votamos.

*2º vice da Federação e vice-presidente da Confederação Brasileira de Aposentados, Pensionistas e Idosos (COBAP).

A atividade promovida pela Federação em conjunto com o Instituto Nacional de Seguro Social (INSS) para apresentar o novo modelo de atendimento e encaminhamento processual promovido pelo INSS Digital chegou em Santa Rosa. Na última sexta-feira (14), o encontro foi organizado na Associação Regional de Aposentados e Pensionistas de Santa Rosa (ARAPESR).

O 2º vice da Federação e vice-presidente da COBAP Carlos Olegário e o diretor financeiro da FETAPERGS Germano Kelber foram os representantes da entidade no encontro.

Participaram do evento as associações de Santo Cristo, Cerro Largo, Santo Ângelo, Ijuí, Coronel Barros, São Luiz Gonzaga e Santo Antônio. A apresentação foi coordenada pelo gerente-executivo do INSS em Santa Rosa, Uziel Damaceno.

Já ocorreram reuniões em Caxias do Sul, Erechim, Ijuí, Pelotas, Porto Alegre, Santa Maria e Santana do Livramento. Os encontros ocorrem na sede das regionais do INSS no estado, com a presença das associações da região filiadas a Federação. A iniciativa visa conscientizar as entidades sobre os serviços disponibilizados pelo novo modelo de atendimento do instituto.

Uma comitiva de lideranças do movimento de aposentados, pensionistas e idosos do Rio Grande do Sul viaja para Brasília para encontro, hoje (09), com os deputados federais gaúchos. A visita é coordenada pela Federação dos Trabalhadores Aposentados e Pensionistas do Estado do RS (FETAPERGS).

O grupo é composto por diretores da Federação e líderes de entidades de aposentados: presidente da FETAPERGS José Pedro Kuhn; vice-presidente da Confederação Brasileira de Aposentados, Pensionistas e Idosos (COBAP) e 2º vice da FETAPERGS Carlos Olegário; suplente de diretoria e presidente da associação de São Borja, Élbio Cidade; representante do Conselho Deliberativo da COBAP (CODEL) e presidente da associação de Taquara Jotaul Rangel; e o presidente da associação de Santa Cruz do Sul Guenter Reitzer.

O diretor secretário da FETAPERGS Léo Altmayer acompanhou a comitiva até o aeroporto, na noite dessa segunda-feira (08).

Em conjunto com a COBAP e o Conselho de Representantes das Federações (COREF), a visita aos gabinetes dos deputados federais e senadores gaúchos tem o objetivo de pedir a rejeição da MP 871/2019, que prejudica o movimento dos aposentados e contrariedade a Reforma da Previdência (PEC 06/2019).

No encontro, será entregue uma nota técnica elaborada pelo Coletivo Jurídico da FETAPERGS sobre os pontos da reforma que mais prejudicam os aposentados e outros materiais de conscientização sobre a reforma.

De acordo com o presidente da FETAPERGS José Pedro Kuhn, a visita será uma demonstração das atividades da Federação em defesa dos direitos dos aposentados, pensionistas e idosos: "Vamos pedir apoio aos deputados e senadores gaúchos pela rejeição da MP 871 [2019] e pela manutenção da Seguridade Social solidária". 

Segundo o representante do CODEL e presidente da associação de Taquara Jotaul Rangel, a COBAP e a Federação estão trabalhando pela manutenção dos direitos conquistados e garantidos pela Constituição: "A visita aos parlamentares será cordial, democrática e pacífica para que revejam ospontos da reforma e revertam esta situação para que não seja prejudicial à sociedade".

Atualmente, existe 31 deputados federais gaúchos e três senadores com mandato. 

A Federação dos Trabalhadores Aposentados e Pensionistas do Estado do Rio Grande do Sul (FETAPERGS) organizou mais um encontro do Programa de Educação Previdenciária (PEP), em conjunto com o Instituto Nacional de Seguro Social (INSS), para apresentar às associações filiadas o INSS Digital. O encontro ocorreu no dia 29 de março, na Agência da Previdência Social, em Santana do Livramento.

A apresentação foi orientada pelos chefes de benefício da Coordenação Regional do INSS, com sede em Uruguaiana, Jackson Sabreda, Natalia Del Fabro e Márcia Neves. Também estiveram presentes o diretor secretário da FETAPERGS Léo Altmayer e o 2º vice-presidente da Federação e vice-presidente da Confederação Brasileira de Aposentados, Pensionistas e Idosos Carlos Olegário.

De acordo com Léo Altmayer, os encontros organizados são importantes para o futuro dos aposentados, pensionistas e idosos gaúchos: “Com a redução do número de funcionários do INSS que contribui para a precariedade do serviço e a constante reclamação da demora na concessão de benefícios, é necessária uma adaptação ao INSS Digital e suas ferramentas”.

Compareceram ao encontro as associações filiadas de Quaraí, Rio Grande, Santana do Livramento, São Gabriel, Sobradinho e Uruguaiana.

Já ocorreram reuniões em Ijuí, Pelotas, Porto Alegre e Santa Maria. Os encontros ocorrem na sede das regionais do INSS no estado, com a presença das associações da região filiadas a Federação. A iniciativa visa conscientizar as entidades sobre os serviços disponibilizados pelo novo modelo de atendimento do Instituto.

Leia Também

5 perguntas mais comuns sobre aposentadoria

5 perguntas mais comuns sobre apose…

19 Set 2019 Notícias de 2019

Presidente da associação de Dom Pedrito é reeleito

Presidente da associação de Dom Ped…

10 Set 2019 Notícias de 2019

Associação de Erechim desenvolve programa sobre cuidados da saúde do idoso

Associação de Erechim desenvolve pr…

02 Set 2019 Notícias de 2019

UFSM oferece projetos de educação física para idosos

UFSM oferece projetos de educação f…

30 Ago 2019 Notícias de 2019

Governo federal antecipa parcela do 13º para aposentados e pensionistas

Governo federal antecipa parcela do…

12 Ago 2019 Notícias de 2019